Hora de desmontar a árvore! Dicas para guardar enfeites de Natal


​O dia de desmontar a árvore e o presépio e guardar enfeites de Natal, segundo a tradição católica, é 6 de janeiro, o Dia de Reis. Esta teria sido a data em que os três Reis Magos finalmente encontraram o menino Jesus e ele passou a ser conhecido por todos os povos. Por isso, esse dia marca o final da época de Natal.

Para garantir que sua árvore e seus enfeites durem muitos e muitos anos, essa desmontagem precisa ser feita com alguns cuidados. Assim, você evita surpresas desagradáveis ao desempacotar tudo no final do ano novamente.

Comece separando uma caixa para cada tipo de enfeite. As melhores são aquelas plásticas, organizadoras, com tampa hermética, mas as de papelão também servem.

Bolas:

Se você comprou as bolas de Natal este ano, aproveite as próprias embalagens em que elas vieram para guardá-las de novo. Se não tiver mais as caixas originais, embale cada bola em papel de seda, para que não arranhem. No caso de bolas de vidro, vale a pena colocar divisórias de papelão dentro da caixa – aquelas de gaveta, de plástico, para meias, funcionam muito bem.

Enfeites de Árvores e Imagens do Presépio:

Embale os enfeites da mesma forma, com papel de seda, protegendo bem as partes mais delicadas, como asas, mãozinhas e rostos de fadas, duendes e outros personagens. Tome o cuidado de colocar as peças mais pesadas no fundo da caixa, e as mais leves por cima.

Luzes:

Enrole cada cordão separadamente, na medida em